Projetos Pelotas - RS

Qual o valor das fotos de 1 ano atrás?

E quem diria que viveríamos uma pandemia? Alguém ainda duvida do fim do mundo depois de tudo que estamos sentindo na pele? Não levantarei bandeiras e nem instigarei presságios. Por aqui, só vida real, vivida, fotografada e compartilhada. O que temos de melhor, porque de pessimismo e reclamações o mundo tá cheio, né? 

Apresento pra vocês um pouco do projeto #home_quarentena / #home_quarentena_kellyemarcio que eu decidi participar no ano passado, quando a pandemia chegou por aqui. Em 10 anos dedicados somente à fotografia, foi a primeira vez que me "obriguei a parar" e foi uma das melhores coisas que fiz nos últimos tempos. Eu, Marcio e Jazz costumamos dizer que moramos numa bolha, porque o nosso foco está nos objetivos e metas que definimos para a nossa vida e de certa forma, "não participamos" dos assuntos "do mundo" de modo geral. Não assistimos notícias e além da fotografia, que é parte do nosso dia, nos dedicamos à música, Marcio tocando e eu ouvindo, assistimos séries, filmes, gostamos de pensar comidas gostosas, cuidamos da saúde (mas ainda exageramos no café, sempre acho isso :D), Jazz é o xodó da casa, agora, enquanto escrevo, choraminga do meu lado pra ficar com o Marcio, se eu levar, ele vai choramingar pra ficar comigo e é só porque ele gosta mesmo é de todo mundo juntinho. Inverno então é uma festa porque a gente não paga imposto pra dormir com ele no sofá cama já que ele não pode mais subir pra nossa cama! Aqui em casa também cultivamos algumas plantas, das poucas voltas que fiz até a praia do Laranjal no ano passado, renderam boas imagens. E esse é um pouco do nosso nós, na simplicidade, na individualidade e no que nos faz bem. Espero que gostem de nos conhecer. Tem mais do projeto no nosso Instagram @kellysfotografia

Ah! Sobre os dias tristes, de aflição e insegurança (e tpm)? Temos também, mas não colocamos força neles, não. Sempre procuramos um jeito de ficar bem. O movimento faz com que a gente siga confiante. Os encontros online com a galera e exercitar a criatividade de várias formas, incluindo as fotografias, também! 

Parece que foi ontem, pouca coisa mudou na nossa rotina do ano passado pra cá e rever essas imagens faz um carinho no coração, sabe? Saber que já passou um ano de um dos piores anos da história do mundo e estamos aqui. Saber que essas fotografias podem inspirar outras pessoas a olharem para a sua "simples rotina" e encontrar algo para registrar, que faça sentido pra elas, faz tudo valer a pena. Movimente o seu olhar! Olhe para o seu melhor! Experimente. 

Qual o valor dos seus momentos e das suas memórias? 

E você? O que tem feito pra ficar melhor nesse momento? Escreva pra gente nos comentários! Vamos adorar trocar ideias! 


Abraço carinhoso, 

da Kelly e do Marcio



Tags

isolamento social quarentena covid-19 coronavírus pelotas fotografia fotografia documental histórias de vida fotografia e quantena fotografia e meoria família