Imagem capa - Eu tenho saudade por Kelly Schmidt - Fotografia feita de amor!
Mamãe e Bebê

Eu tenho saudade

Eu conheci a Verônica em um workshop que fizemos juntas, junto com uma turma super bacana, em Porto Alegre e, de lá pra cá, houveram conversas pelo whatsapp, galera animada, dúvidas e todos compartilhando de uma forma ou outra. Também foi um lugar de conhecer ricos trabalhos. Um deles, o “Depois da Chegada”, que é um dos lugares que realmente me fazem querer estar para me atualizar sobre o sentimento de ser mãe dos pequenos, mesmo eu sendo mãe de filha grande. E a minha fotografia precisa desse conhecimento, dessas palavras que ajudam a criar empatia com as mães, que nos ajuda a entender esse mundo de novas situações, de novas sensações, de uma nova fase na vida de uma mulher.




A Verônica Muccini é jornalista, mãe do João Henrique e compartilha suas experiências aqui http://depoisdachegada.com.br/, tenho certeza que ela vai amar a sua visita!

E, quem quiser acompanhar por aqui, eu, idem!






Hoje compartilho algo que muitas mamães já devem ter pensado, imaginado e sentido.


DESCULPE A SINCERIDADE, MAS EU TENHO SAUDADE

OUT 01. 2016


Eu não sei você, mas eu tenho saudade, e por um tempo isso me consumiu e me culpou. Mas passou. Eu tenho saudade de ser quem eu era antes de ser mãe, você não? Estes dias conversando com as minhas amigas de uma vida toda e que estão também neste turbilhão que se chama maternar, percebemos que temos saudade de ser quem éramos antes.


Foi unânime os maridos dizerem que as vezes eles tinham saudade da gente antes de ser mãe, mas que não trocam por nada essa nova mulher. Amores, nós também temos saudade. Saudade nosso pique antes da maternidade, do nosso viço na pele, de não ter aquelas olheiras de noites e noites não dormidas, saudade de poder tomar um banho sossegada, de me maquiar com calma e escolher meticulosamente a roupa, de sentar assistir o Netflix com a minha série favorita e olhar tudo de uma vez só, sem pausas, e nem xixi.


Eu ainda lembro do nosso primeiro “vale-night”, meu filho tinha 4 meses e fomos à um casamento, o pacotinho ficou com meus pais e aquele sentimento ambíguo tomou conta: queria muito ficar na festa, curtir a felicidade de ver os amigos casando, poder tomar uma cervejinha de boas, comer uma boa comida, mas de verdade a única coisa que eu queria era tirar o salto que me machucava e ir pra casa dormir, dormir e dormir. Meia noite estávamos em casa. A festa terminou as 7h da manhã. Fossem outros tempos eu estaria junto da turma que fecharia a festa.


Eu sei que com a maternidade nasceu uma nova mulher, claro que antes de tudo nasceu a mãe. Nasceu o pai, nasceram os pais. É unânime também saber que não trocaríamos nada destes pequenos prazeres pelo nosso maior amor. Mas é inegável pensar que bate uma saudade. E que daqui a pouco (muito, muito, muito pouco), tempo, estaremos fazendo tudo isso novamente com saudades dos filhos pequenos e querendo aquilo tudo novamente, mas sempre com saudades.


E por aí mamães, vocês também tem saudades?


Beijos, com carinho! Vê


Gostaram? Faz uma visita! Tem muita experiência e muita vida sendo compartilhada lá, com muito carinho!
 http://depoisdachegada.com.br/desculpe-sinceridade-mas-eu-tenho-saudade/

Obrigada Vê! Ter o teu espaço e as tuas palavras compartilhadas aqui certamente fará muita diferença!

Bj grande,
Kelly Schmidt


A foto de capa é do ensaio de gestante da Fernanda. Vamos adorar a sua visita! Fernanda + Heitor + Laura à espera do Arthur


Se você gostou deste post deixe um comentário! Compartilhe! 
Se tiver outras dúvidas ou dicas sobre assuntos que quiser ler por aqui, mande pra gente! Vamos adorar te responder!


QUER combinar o seu Ensaio de Família? Clica aqui -> WHATSAPP DA KELLY